.mais sobre nós

. gigi

. luisa

.em destaque

. Lista em Português dos al...

. Sobre mim

.pesquisar

 

.posts recentes

. Como fazer o delicioso Hu...

. Olá a todos!

. Asneiras

. Pequeno-almoço

. Fase 2 - Dia 6

. Início da segunda semana....

. Sintomas

. Fase 1 - Dia 1 de 15

. Molho chili de tomate - R...

. Lista em Português dos al...

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

.MyBlogLog

Join My Community at MyBloglog!

.subscrever feeds

Segunda-feira, 17 de Março de 2008

South Beach Diet

Andei a pesquisar e cheguei à conclusão que quero fazer a Dieta South Beach (DSB).
Decidi usar a DSB porque ela controla os hidratos de carbono e a Carga Glicémica. Acho que essa é a melhor maneira de perder peso e de manter uma vida saudável.

Eu sei que disse que não queria começar nenhuma dieta mas a única coisa que consegui nestas semanas foi manter o peso. Por isso vou recorrer à DSB.
A DSB é uma dieta em fases na qual a primeira fase é um género de desintoxicação.

A primeira fase dura 2 semanas e consiste em comer algum alimentos e a não comer outros.
Vou começar segunda feira que vem porque sei que quero beber álcool na Páscoa e uma das coisas que são proibidas na fase 1 da DSB é o álcool.

Lembro que o meu objectivo não é tornar-me num "espeto de virar tripas" mas numa pessoa saudável com o peso ideal. Para isso quero perder 10 kilos, para já. Depois talvez queira perder mais 5 kilos. Se não achar que fico demasiado magra.
publicado por luisa às 17:03

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 19 de Fevereiro de 2008

A Carga Glicémica

Ainda mais importante que o Índice Glicémico (IG) é a Carga Glicémica (CG).
A CG é o valor que se obtém quando dividimos o IG do alimento por 100 e multiplicamos isso pela quantidade de hidratos de carbono contidas numa porção normal.
Um exemplo de David Mendosa:

A melancia tem um valor IG alto = 72; Porém, uma porção normal de melancia (120g) tem 6g de hidratos de carbono.
A conta para encontrar o valor da CG desta porção de melancia é 72/100*6=4,32 - arredondado para 4.
Por isso, embora a melancia tenha um IG alto a CG é baixa.

A saber:
Índice Glicémico (IG) de 55 é baixo;
Carga Glicémica (CG) de 10 é baixa.

Não se preocupem que não vamos ter que fazer contas. A tabela de Índice Glicémico tem também os valores da Carga Glicémica contida nas porções apresentadas.

A tabela em inglês.

Vou começar a traduzir agora. ;)
publicado por luisa às 16:01

link do post | comentar | favorito

Índice Glicémico

Para além dos "maus" hidratos de carbono e dos "bons" hidratos de carbono, uma coisa importante é o Índice Glicémico.

O Índice Glicémico (IG) é uma classificação da influência que um alimento tem no nível de glucose do sangue.

O que é que isto quer dizer?

Todos os alimentos afectam o nível de glucose do sangue. Os alimentos ricos em hidratos de carbono são os que mais afectam esse nível. Um nível alto de glucose no sangue faz com que o nosso corpo reaja com picos de insulina. Esses picos de insulina levam à típica sensação de fome pouco depois de comer, a sonolência, a sensações de fraqueza, a estados de espírito miseráveis e a comermos mais porque temos fome a toda a hora.

Portanto, usando o IG, podemos ter maior controlo sobre esses sintomas. Comendo alimentos com um IG baixo conseguimos obter a energia que precisamos ao poucos, em vez de toda de uma vez. Isso vai fazer com que nos sintamos saciados, activos e despertos por mais tempo.

O Índice Glicémico apresenta valores de 0 a 100, sendo que os alimentos com:

0 a 55 = IG baixo;
56 a 59 = IG médio;
70 a 100 = IG alto.

Não devemos deixar de comer os alimentos saudáveis com um IG alto mas devemos come-los com moderação.

Ainda não consegui encontrar um Índice Glicémico em português por isso vou dedicar-me a compilar um eu mesma.


Saber mais:
Índice Glicémico na Wikipédia
Insulina na Wikipédia
Glycemic Index na Wikipedia - em inglês
publicado por luisa às 11:31

link do post | comentar | favorito

Os Bons Rapazes e os Maus Rapazes

Segundo o livro The Big Book Of Low-Carb Recipes (O Grande Livro das Receitas Baixas em Hidratos de Carbono) de Nicola Graimes, os alimentos ricos em hidratos de carbono "maus" mais conhecidos são os seguintes:
  • Massa e arroz brancos;
  • Pão branco;
  • Açúcar refinado;
  • Bolachas e bolos;
  • Chocolate e rebuçados;
  • Batatas fritas e aperitivos salgados;
  • Cereais de pequeno almoço com açúcar e barras de cereais;
  • Refrigerantes, licores e sumos de fruta;
  • Comida pré-feita;
  • Molhos de pacote ou daqueles em frasco, já feitos;
  • Pizzas e empadas.

Os "bons" hidratos de carbono encontram-se em alimentos como:
  • Massa integral;
  • Pão integral com sementes;
  • Arroz integral.
E estes têm que ser comidos com moderação em doses de 55g (aprox.), não em grandes porções. Não podemos cortar os hidratos de carbono da nossa dieta diária porque dessa forma estaríamos a privar o nosso corpo de vitaminas e minerais valiosos para a nossa saúde.

Outra dica interessante - Não abusar do trigo. Muitas pessoas são intolerantes ao trigo e ficam inchadas sem saber porquê. Em vez de trigo usar mais coisas feitas de aveia, cevada, centeio e arroz.

Mas sempre com muita moderação!
publicado por luisa às 09:55

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 18 de Fevereiro de 2008

Isto não é uma dieta

Para me ajudar estou a usar os ensinamentos da Lee Janogly que ela explica no seu livro Only Fat People Skip Breakfast.
Uma das coisas que ela diz que é importante perceber é que isto não é uma dieta. As dietas são períodos áridos de sofrimento, depressão e fome que invariavelmente acabam por não funcionar ou por falhar mal acabam.
O que nós queremos é mudar de estilo de vida. Deixar o estilo Sou-Um-Gordo-e-Como-Como-Um-Gordo pelo estilo Sou-Magro-e-Como-Coisas-Boas.
Agrada-me! Estou disposta a aprender e a trabalhar no assunto.

publicado por luisa às 12:48

link do post | comentar | favorito

Os hidratos de carbono

Vou começar - agora a sério - a restringir os piores hidratos de carbono da comida - batatas, arroz, massa, pão, sacarose.

Porquê? Porque estes hidratos de carbono são absorvidos com demasiada rapidez pelo sistema digestivo e causam sonolência, fome e frustração.
Isso deve-se aos diferentes níveis de insulina e de glucose no sangue que cada alimento faz disparar no nosso corpo.
Ao controlar esses alimentos estamos a controlar os terríveis efeitos secundários das dietas convencionais. Em particular a fome e o sentimento de desespero de estar numa dieta.
O meu objectivo é aprender a comer bem, não abusando destes hidratos de carbono, emagrecer até ao meu peso ideal e mantê-lo.

Agora, o mais difícil é mesmo arranjar maneiras de fazer refeições sem batatas, arroz, massa ou pão... Parecem elementos essenciais, não é? Espero descobrir que não.
publicado por luisa às 12:17

link do post | comentar | favorito

Como é neste momento?

- Neste momento estou com 65,8 kg;
- No fim do verão passado tinha uns 58 kg;
- Ando no ginásio à 7 meses. Faço exercícios aeróbicos e pesos. A minha resistência física e força estão muito melhores;
- Não como açúcar (sacarose) desde o Natal.
publicado por luisa às 10:32

link do post | comentar | favorito
Domingo, 17 de Fevereiro de 2008

Começo

Estou farta de sentir que estou em dietas. Quero aprender a comer bem para deixar-me disso.
Apresento aqui um diário da minha evolução. Sem censura.
publicado por luisa às 19:25

link do post | comentar | favorito

Sobre mim

Chamo-me Luisa Correia, tenho 29 anos e vivo em Lisboa.

Este blog é um registo da minha aprendizagem e dos meus resultados práticos na aventura de ser mais magra, mais saudável sem deixar de comer coisas boas.

Porque acredito que podemos ser magros sem estar sempre em dietas. Quero viver um estilo de vida mais saudável!
publicado por luisa às 11:49

link do post | comentar | favorito